Sirenes foram acionadas em Bosque Real, em Sete de Abril, e Moscou, em Castelo Branco.

Duas localidades situadas em áreas de risco tiveram as sirenes acionadas pela Defesa Civil de Salvador (Codesal), por volta das 21h deste sábado (25): Bosque Real, em Sete de Abril, e Moscou, em Castelo Branco. O protocolo de segurança foi adotado, devido ao fato de as localidades registrarem índice pluviométrico acima de 150mm nas últimas 72h, situação considerada de alerta máximo.
As equipes da Codesal e das secretarias de Promoção Social, Esporte e Combate à Pobreza (Sempre) e da Educação (Smed) estão presentes nas localidades para auxiliar os moradores a saírem das residências em situação de risco. Quatro pessoas já estão sendo atendidas no ponto de abrigamento montado na Escola Municipal de Castelo Branco e receberão toda a assistência necessária no local, até que haja segurança para retornar à residência ou ser encaminhada para o Aluguel Social.
Acompanhando a ação, a vice-prefeita Ana Paula Matos orienta aos cidadãos sobre o que fazer neste momento. “As equipes da Prefeitura, coordenadas pela Codesal, estão à disposição para auxiliar a todos em situação de risco. Caso escute a sirene, procure sair de casa e busque um abrigo seguro. E qualquer situação de emergência deve acionar a Codesal, através do número 199. O mais importante neste momento é preservar a própria vida”, salientou.

Previsão – De acordo com o meteorologista do Centro de Monitoramento e Alerta da Defesa Civil de Salvador (Cemadec), Giuliano Carlos do Nascimento, as chuvas intensas que atingem a capital baiana e boa parte da Bahia são causadas pela Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS), aliada à uma frente fria. A situação neste momento é de alerta máximo na cidade e as chuvas devem permanecer com intensidade fraca a moderada até o fim deste domingo (26).
Somente nas últimas 24h, Fazenda Grande do Retiro foi o bairro onde mais choveu, com 98,5mm, seguido de IAPI (97,2mm), Caminho das Árvores (96,2mm), Doron (95,8mm) e Bom Juá (95,6mm). Durante este mês de dezembro, choveu 355,8mm em Salvador, de acordo com a estação meteorológica de Ondina, a mais antiga da cidade – o volume foi seis vezes maior do que o esperado para todo este mês, que era de 58,1mm. *Por Correio24H.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.