Um homem, de 44 anos, suspeito de estuprar várias fieis de uma igreja no povoado Pedra Vermelha, em Monte Santo (BA), foi preso na quinta-feira (30), em Cosmópolis (SP). As ações criminosas foram cometidas em 2013 e ele tinha mandado de prisão preventiva em aberto desde 2019.


A equipe do Setor de Investigação (SI) da Delegacia Territorial (DT) de Euclides da Cunha acompanha o caso desde o início. Na ocasião, foi constatado que ele se intitulava missionário e, na zona rural de Monte Santo, enganava e estuprava pessoas da congregação que representava. De acordo com a apuração das DTs de Euclides da Cunha e Monte Santo, ele chegou a praticar aborto em uma das vítimas.

Após troca de informações com a Polícia Militar de São Paulo, o mandado foi cumprido pela instituição paulista na cidade de Cosmópolis. Conforme informado na determinação judicial, o homem responde pelos crimes de estupro, com aumento de pena pela autoridade exercida sobre a vítima, e aborto provocado por terceiro.

O suspeito foi levado para a Delegacia de Cosmópolis, da Polícia Civil de São Paulo, e depois foi transferido para a Bahia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.