A casa de Ratinho foi invadida por assaltantes nesta sexta-feira (17), em São Paulo. O apresentador não estava no local no momento do crime, mas funcionários dele foram feitos reféns enquanto objetos de valor eram recolhidos. 

“Eu não estava lá. Não fizeram nada, só amarraram o pessoal, trancaram, levaram celulares, tentaram saber se tinha cofre. Usaram armas, colocaram armas na cabeça dos funcionários”, relatou Ratinho em entrevista a José Luiz Datena, no “Brasil Urgente”. 

O apresentador do SBT lamentou o fato, mas afirma que estão “todos bem” e que “foi só um susto”. 

“Eu ando de carro blindado, eu tento de todas as formas fazer a segurança da minha casa. Eles abriram o portão, eles tinham o controle do portão. Se alguém entrar na minha casa, eu vou defender os meus filhos com arma, não quero nem saber”, comentou Ratinho. 

Polícia

O tenente Maxwel, da Polícia Militar de São Paulo, que atendeu a ocorrência, informou à Band que “ninguém no interior da residência sofreu algum tipo de violência física por parte desses indivíduos”. 

“A informação que nós temos é que cerca de cinco criminosos entraram, renderam ali as pessoas que estavam dentro desse imóvel, levaram elas para um cômodo, e aí começaram a ameaça-las”, conta.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.