As competições organizadas pela Conmebol terão suas premiações aumentadas a partir de 2022. O anúncio foi feito pela própria entidade, nesta segunda-feira (20). Cerca de R$ 86 milhões serão somados ao valor atualmente praticado. 

 

A Libertadores dará ao campeão R$ 142,6 milhões. Em 2021, o Palmeiras abocanhou R$ 128 milhões. Já na Sul-Americana a premiação sairá de R$ 22,9 milhões para R$ 28,6 milhões. 

 

No feminino, a Libertadores terá um aumento impactante: de R$ 487 mil, em 2021, para R$ 8,5 milhões para a campeã.

 

Por fim, a Recopa masculina, que será disputada entre Palmeiras e Athletico-PR, terá premiação de R$ 9,1 milhões.  

 

Além disso, a Conmebol oferecerá R$ 5,73 milhões para cada confederação do continente, como um modo de incentivar o futeboll economicamente. O destino do recurso será definido por cada entidade nacional. 

 

Confira os valores das premiações da Libertadores e da Sul-Americana:

 

Libertadores
Fase 1: US$ 400 mil por jogo como mandante
Fase 2: US$ 500 mil por jogo como mandante
Fase 3: US$ 600 mil por jogo como mandante
Campeão: US$ 16 milhões (R$ 91,5 milhões)
Valor total que um campeão pode receber (desde fase de grupos): US$ 25 milhões (R$ 142,6 milhões)

 

Copa Sul-Americana
Campeão: US$ 5 milhões (R$ 28,6 milhões)

 

Libertadores Feminina
Campeã: US$ 1,5 milhão (R$ 8,5 milhões)
Vice-campeã: US$ 500 mil (R$ 2,8 milhões)

 

Recopa
Campeão: US$ 1,6 milhão (R$ 9,1 milhões)
Vice: US$ 800 mil (R$ 4,5 milhões)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.