Yrma Lydia teve a morte confirmada pela sua equipe no último sábado (25).

A cantora Yrma Lydia, de 21 anos, foi morta a tiros pelo próprio marido na última quinta-feira (23). A morte foi confirmada neste sábado (25) pela imprensa mexicana. O crime acontece em um restaurante na zona sul da Cidade do México.
A artista era casada, segundo a imprensa local, com o advogado Jesús Hernández Alcocer, de 79 anos. De acordo com a publicação do jornal El Universal uma equipe de resgate chegou a ser acionada para atender a cantora. Contudo, ao chegarem ao local, perceberam que ela já não apresentava mais sinais vitais devido aos ferimentos provocados pelas balas. Testemunhas relatam que, antes do crime, ela e o marido estavam discutindo.
Nas redes sociais, a família e equipe da cantora se manifestou. “Agradecemos as demonstrações de carinho para com Yrma Lydya e nossa família. No momento não haverá declaração. Pedimos sua compreensão e seu apoio nestes tempos difíceis. Recordemos Yrma Lydia com tanto talento, alegria e entusiasmo pela vida como tinha”, diz o texto publicado no perfil oficial da cantora no Instagram.
Famosa no México, a artista começou a carreira com o álbum “God’s Gift” lançado em 2015. Em seguida, no ano de 2017, ela lançou “Talking”, quando começou a se apresentar na televisão e em shows. Em 2019, estreou o álbum “Eternamente”.

Foto: Divulgação / Por: Metro1.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.