quarta-feira, 6 de janeiro de 2021

Melhor Prevenção Contra Covid-19 é ‘Não Se Infectar’ e Não Relaxar, Alerta Médica

O crescimento no número de internações de crianças por causa da Covid-19 está associado à flexibilização das atividades e ao fato da população estar se descuidando. A avalição é da infectopediatra especialista em medicina de viagem Anne Galastri. A médica foi a entrevistada desta terça-feira (5) no Isso é Bahia, programa da A Tarde FM em parceria com o Bahia Notícias.
Segundo ela, as crianças ficaram muito tempo em casa durante alguns meses, mas com a retomada de atividades elas passaram a circular mais, e consequentemente se expuseram mais ao vírus. “No momento que existe flexibilização é comum que aconteça aumento de casos e as crianças voltem a ficar doentes”, argumentou.
A Bahia registava até esta segunda-feira (4) 36 mortes de crianças de zero a nove anos pela Covid-19. A especialista reconhece que não há como comparar os números com os registros de morte entre os adultos, mas que ele deve servir como alerta.
“É um número ínfimo perto do global que aconteceu pela Covid-19. Mas isso não é pra ignorar. Precisamos de atenção, manter os cuidados. Quantas vezes nós não vimos nesses últimos dias todos sem higiene, respeitar distanciamento?”, questionou.
Na opinião da médica, a nova escalada dos casos não é falta de conscientização. “As pessoas não estão mais sabendo lidar, acham que tudo bem se infectarem, mas quando elas se infectam, eu posso ser infectada, você, minha avó. As pessoas estão esquecendo como é viver em sociedade”, lamentou Anne Galastri.
Durante a entrevista a especialista também explicou o motivo pelo qual as crianças não são incluídas nos testes clínicos e não estão entre as prioridades para a vacinação contra a Covid-19. “As crianças até o momento na maioria das vacinas ainda não são testadas. Isso ocorre porque precisamos de vacina rápido e que basicamente diminuam óbitos, risco de UTI, e por isso estudos iniciais são para adultos, idosos e pessoas com doenças crônicas. As crianças devem ser incluídas na próximas fases”, disse.
Diante disso a médica foi categórica: “A prevenção é não se infectar”.

Especialistas Negam Afirmação Feita Por Bolsonaro De Que ‘ Brasil Está Quebrado’

Presidente do Brasil declarou ontem (5), a apoiadores, que ‘não consegue fazer nada’, com a justificativa de que o país está quebrado.
Um “país quebrado”, como o presidente da República, Jair Bolsonaro chamou o Brasil ontem (5), significa uma nação endividada que não tem a possibilidade de cumprir os seus deveres, nem de conseguir dinheiro. Especialistas de economia, porém, descartam a chance de o país se encontrar nessa situação. Dizem que a responsabilidade para evitar que isso aconteça, inclusive, é a do presidente.
Bolsonaro declarou ontem (5), a apoiadores, que ele “não consegue fazer nada”, utilizando a justificativa de que o “Brasil está quebrado”. “Eu queria mexer na tabela do Imposto de Renda, mas teve esse vírus potencializado pela mídia que nós temos, essa mídia sem caráter”, disse, referindo-se à pandemia do coronavírus.
De acordo com o ex-ministro da Fazenda do governo de José Sarney, Maílson Nóbrega, o Brasil hoje está em uma situação tranquila internacionalmente. Ele acredita, porém, que declarações falsas vindas do representante do país podem reverter o quadro, pois investidores podem ficar desconfiados.
O Brasil já esteve no lugar de um “país quebrado” em 1930, quando houve a Grande Depressão, uma crise mundial, e nos anos 1980, durante uma crise da dívida externa.

 

Os Barões Da Pisadinha Tiveram Música Mais Tocada No Mundo No Réveillon

Direto de Heliópolis, no nordeste baiano, para o topo da Deezer. A dupla Barões da Pisadinha teve a música mais tocada no mundo durante a virada para 2021. Segundo levantamento do site Splash, a canção Recairei, tocada por Rodrigo Barão e Felipe Barão, foi a mais executada na plataforma de streaming na meia-noite do dia 31 de dezembro, a frente de Blinding Lights de The Weeknd, e Basta Você Me Ligar, também dos irmãos baianos.
O duo, recordista nas plataformas de streamings (sexto lugar entre os artistas mais ouvidos no Spotify esse ano), além de já aparecerem entre os mais tocados também nas rádios brasileiras, também aparecem no topo cinco nacional. Recairei ficou atrás apenas de Tarcísio do Acordeon, com o sucesso Meia Noite (Você Tem Meu WhatsApp), entre 23h55 às 00h15. Tambéma parecem na lista Gusttavo Lima e Marília Mendonça.

Top 5 músicas mais tocadas no Brasil no dia 31/12:
Meia Noite (Você Tem Meu Whatsapp) - Tarcísio do Acordeon
Recairei - Os Barões da Pisadinha
Amor ou Litrão - Petter Ferraz e Menor Nico
Basta Você Me Ligar - Os Barões da Pisadinha
Ele É Ele, Eu Sou Eu - Wesley Safadão e Barões da Pisadinha

Top 5 músicas mais tocadas no mundo em 31/12 e 01/01:
Recairei - Os Barões da Pisadinha
Blinding Lights - The Weeknd
Basta Você Me Ligar - Os Barões da Pisadinha
Amor ou Litrão - Petter Ferraz e Menor Nico
Ele É Ele, Eu Sou Eu - Wesley Safadão e Os Barões da Pisadinha

Top 5 músicas mais tocadas no Brasil no dia 1/1:
Recairei - Os Barões da Pisadinha
Basta Você Me Ligar - Os Barões da Pisadinha
Amor ou Litrão - Petter Ferraz e Menor Nico
Ele É Ele, Eu Sou Eu - Wesley Safadão e Barões da Pisadinha
Meia Noite (Você tem meu whatsapp) - Tarcísio do Acordeon

Top 5 artistas mais tocadas no Brasil no dia 1/1:
Os Barões da Pisadinha
Gusttavo Lima
Marília Mendonça
Wesley Safadão
Xand Avião

***

Gás De Cozinha Fica 6% Mais Caro a Partir Desta Quinta, Informou a Petrobras

A Petrobras vai elevar o preço do gás liquefeito de petróleo (GLP), conhecido como gás de cozinha, em 6% a partir desta quinta-feira (6), informou a petroleira nesta quarta-feira (5). Com o reajuste, o valor praticado pela Petrobras irá a R$ 35,98 por 13kg. Em nota, a empresa reiterou que desde novembro de 2019 igualou os preços de GLP para os segmentos residencial e industrial/comercial, e que o produto é vendido pela Petrobras às distribuidoras a granel. “Por sua vez, as distribuidoras são as responsáveis pelo envase em diferentes tipos de botijão e, junto com as revendas, são responsáveis pelos preços ao consumidor final”, frisou a empresa. A Petrobras afirmou ainda que os preços de GLP praticados por ela tem como referência o valor de paridade de importação, formado pelo valor do produto no mercado internacional, mais os custos que importadores teriam, como frete de navios, taxas portuárias e demais custos internos de transporte para cada ponto de fornecimento, também sendo influenciado pela taxa de câmbio.

'É Muito Grave Um Presidente Falar Que Nada Pode Fazer', Afirma Maia


Segundo Maia, "um governo que não tem projeto de país não tem condição de apontar os caminhos para solucionar os nossos problemas".O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, considera "um absurdo, algo muito grave" o comentário do presidente Jair Bolsonaro, feito na manhã de ontem (5), quando afirmou não conseguir fazer nada porque o Brasil está "quebrado".

"É grave e desalentador porque você olha para os próximos dois anos sem entender o projeto de país que ele [Bolsonaro] tem. Desde o fim de 2019 e durante a pandemia, a mensagem do presidente se pareceu mais com a do deputado que representa corporações do que com a do presidente que representa o estado", disse Maia ao blog da jornalista Natuza Nery, no G1.
Segundo Maia, "o Brasil não está quebrado. Um governo que não tem projeto de país não tem condição de apontar os caminhos para solucionar os nossos problemas".

 

Anvisa Diz Que Não Recebeu Pedido De Uso Emergencial De Vacina Para Covid-19

Em dezembro de 2020, a agência autorizou a importação, em caráter excepcional, de 2 milhões de doses da vacina de Oxford, produzida em parceria com a Fiocruz no Brasil.
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) disse hoje (5) que ainda não recebeu nenhum pedido de uso emergencial ou de registro definitivo de vacinas para covid-19 no Brasil. A informação foi divulgada após nova reunião com técnicos da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e do laboratório Astrazeneca.
No dia 31 de dezembro de 2020, a agência autorizou a importação, em caráter excepcional, de 2 milhões de doses da vacina britânica da Oxford, produzida em parceria com a Fiocruz no Brasil. As doses importadas são fabricadas pelo Serum Institute da Índia. No país asiático, o uso emergencial do imunizante já foi aprovado.
“A Anvisa tem atendido todos os laboratórios que estão desenvolvendo vacinas a fim de orientar e esclarecer questões técnicas para a avaliação de vacinas”, diz a nota.