sábado, 9 de janeiro de 2021

Feira de Santana: Preparada Para Iniciar Vacinação Contra Covid-19, Secretaria Municipal De Saúde Aguarda Chegada Das Doses


Município já recebeu uma portaria do Ministério da Saúde informando que a prefeitura tem autonomia para comprar vacinas.

Os governos estaduais e as prefeituras estão se organizando para iniciar a vacinação contra a covid-19 assim que o Ministério da Saúde enviar as vacinas. Em Feira de Santana o setor de imunização da Secretaria Municipal de Saúde já aguarda a liberação.
A enfermeira Simone Neves, referência técnica do Setor de Imunização, informou que o município já recebeu uma portaria do Ministério da Saúde informando que a prefeitura tem autonomia para comprar vacinas e insumos como seringas, agulhas e todo material de apoio para o processo de vacinação.
"Feira de Santana tem metade de suas unidades de saúde com freezers para armazenar vacinas e as outras unidades têm geladeiras que podem preservar as vacinas", disse Simone.
Ela lembra que a cidade já passou por diversos surtos de várias doenças que eram tratadas com vacinas e por essa razão a cidade está preparada para atender a comunidade.

Foto: Ney Silva/Acorda Cidade

Sobre seringas o principal insumo para vacinar, Simone Neves disse que cada ente federativo tem sua responsabilidade.
"O Programa Nacional de Imunização é com o Ministério da Saúde. Os insumos como seringas e agulhas quem dar esse suporte são os estados. Os municípios ficam com a distribuição e logística e Feira de Santana sempre fez isso muito bem", garante.

Prioridades para vacinação:
Simone Neves disse ainda que pela forma como a doença vem se disseminando, a prioridade será para as pessoas idosas e depois para aquelas que estão na linha de frente como os profissionais de saúde
"O objetivo é frear essa cadeia de transmissão. Espera-se que toda população tenha acesso às vacinas, mas é necessário se ter cautela", afirma.
Segundo Simone Neves, equipes de profissionais vão passar por um treinamento, já que cada laboratório tem sua peculiaridade na aplicação das vacinas.
"Eu já asseguro que nossa equipe é preparada no manejo de aplicação de vacinas, na prática de campanhas de vacinação com experiência de outras campanhas”, garantiu.
De acordo com a enfermeira, até o final deste mês possivelmente já se tenha uma definição de quando começará a vacinação dependendo apenas do envio das vacinas pelo Ministério da Saúde. Fonte: Acorda Cidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário