domingo, 15 de novembro de 2020

Brasil Teve Mais De 2.400 Candidatos Barrados Pela Lei Da Ficha Limpa; Bahia Teve 54 Declarados ‘Ficha Suja’


Um levantamento feito pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), aponta que 2.401 canditatos tiveram o pedido de candidatura cassado ou indeferido no Brasil por não ter a ficha limpa. O número é equivalente a 12,19% das solicitações para concorrer as eleições municipais. O requisito é determinado pela Lei Complementar nº 64/90 ou Lei da Ficha Limpa desde 2010, emendada à Lei das Condições de Inelegibilidade. A medida determina o impedimento a eleição de candidatos a cargos políticos condenados por órgãos colegiados – por mau uso do dinheiro público. Já na Bahia, 54 candidatos foram barrados pela Lei da Ficha Limpa de um total de 40.067 candidaturas consideradas aptas. Essa é a segunda maior causa de impedimento, ficando atrás somente da ausência de requisito de registro – quando o candidato deixa de entregar algum documento pedido. Fonte: Bahia Notícias.

Bahia: Operação Contra Crime Eleitoral Prende Suspeitos e Mais De R$ 230 mil

Além do dinheiro, polícia apreendeu armamento pesado com suspeitos de agiotagem em Entre Rios — Foto: Divulgação / SSP.

Uma operação conjunta entre o Ministério Público Eleitoral (MPE) e as polícias Civil e Militar, deflagrada na manhã desta sexta-feira (13), em Entre Rios, a cerca de 150 km distante de Salvador, prendeu dois homens suspeitos de crimes eleitorais.
Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), a dupla, que possuía mandado de prisão em aberto e era procurada pela polícia, foi flagrada com R$ 236 mil e armas.
O titular da Delegacia Territorial de Entre Rios, Luiz Enock Passos, afirmou que os dois homens eram investigados por empréstimo de dinheiro para campanha política e prática de agiotagem.
Ainda segundo a SSP-BA, os homens atuam na região há mais de 30 anos. Além da quantia em dinheiro, a polícia flagrou com a dupla três pistolas calibre 9mm e 380, uma espingarda calibre 12, munições e carregadores. Cheques e notas promissórias também estavam em poder dos suspeitos e foram apreendidos pelos agentes.
Os dois foram encaminhados à Polícia Civil, autuados em flagrante por posse ilegal de arma e seguem à disposição da Justiça para responder pelo crime, somado ao cumprimento do mandado de prisão que já tinham em desfavor. (Fonte: G1/BA)


 

Euclides da Cunha: Policial é Acusado De Intimidar e Perseguir Eleitores De Partido Rival


Um policial civil está sendo acusado de abordar e intimidar pessoas que tenham uma opinião política diferente da sua na cidade de Euclides da Cunha,a 143 km de Serrinha. A informação foi confirmada ao Aratu On pela assessoria da corporação.
Em nota, a polícia informou que a 25ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin/Euclides da Cunha) e a Delegacia Territorial (DT) estão analisando um ofício enviado pela Procuradoria Geral do Município (PGM) sobre a conduta do agente. "O caso será acompanhado pela Corregedoria da Polícia Civil (Correpol)", diz o comunicado.
O investigador foi identificado como Raphael Rangel. No ofício, a PGM cita um caso ocorrido no último dia 12 de novembro. “Em gozo de férias, reiteradamente se utiliza dos poderes inerentes a sua função pública (abordando civis e fazendo vistoria em veículos particulares de forma intimidadora) para fins particulares, notadamente eleitoreiro e partidário”, diz o documento, divulgado pelo Bahia Notícias.
O policial é apoia a ex-prefeita Fátima Nunes (PSD), que está em disputa com o atual prefeito, Luciano Pinheiro (PDT). A PGM solicita que sejam adotadas “medidas no sentido de apurar e responsabilizar conduta irregular do agente em questão”. Por Redação Portal Cleriston Silva PCS.

IBGE Aponta BA Como Estado Brasileiro Com Maior Nº Absoluto De Pessoas Extremamente Pobres


Um levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgado nesta quinta-feira (12), apontou que, em 2019, a Bahia possuía, em números absolutos, a maior quantidade de pessoas extremamente pobres e a segunda maior de pobres.
Segundo a pesquisa, no ano passado, quatro em cada 10 moradores do estado (40,4% da população) estavam abaixo da linha da pobreza monetária, com renda domiciliar per capita menor que R$ 428. Além disso, pouco mais de 1 em cada 10 (12,5%) estava abaixo da linha de extrema pobreza, com renda domiciliar per capita menor que R$ 148.
De acordo com o IBGE, essas proporções praticamente não se alteraram desde 2016 e davam à Bahia, em 2019, o 2º maior número absoluto de pobres, com 6 milhões de pessoas, e o maior número de extremamente pobres do país, que totalizava 1,853 milhão.
Já em termos percentuais, a Bahia (40,4%) ficava na 11ª posição entre os estados - caindo 4 posições no ranking, já que havia sido 7º em 2018. Maranhão (52,2%), Amazonas (47,4%) e Alagoas (47,2%) tinham os maiores percentuais de população abaixo da linha de pobreza em 2019 em termos percentuais.
No outro oposto, Santa Catarina (7,5%), Rio Grande do Sul (11,1%) e Distrito Federal (11,2%) tinham as menores proporções de pessoas na linha de pobreza. O instituto explica que o Brasil não tem uma linha oficial de pobreza. Considerando o critério definido pelo Banco Mundial para países de renda média, adotado no acompanhamento das metas dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), a linha oficial de pobreza é de US$ 5,50 por dia em paridade de poder de compra.
No Brasil como um todo, em 2019, 51,7 milhões de pessoas viviam abaixo da linha de pobreza monetária do Banco Mundial - renda domiciliar per capita mensal menor que R$ 436. Isso representava 24,7% da população do país. Também houve uma discreta redução nesse grupo em relação a 2018, quando 25,3% dos brasileiros estavam abaixo da linha de pobreza (52,5 milhões de pessoas), informou o IBGE. 

 

Salvador: Eleitora De Muleta Sofre Queda Em Seção Eleitoral Da BA, é Atendida Pelo Samu e Vota Carregada Em Maca

Caso ocorreu no Colégio Aliomar Baleeiro, no bairro de Pernambués, em Salvador.

Uma eleitora de Salvador votou enquanto era carregada em uma maca do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), na manhã deste domingo (15). O caso ocorreu no Colégio Aliomar Baleeiro, no bairro de Pernambués.
Marta Angélica de Almeida, que usa muletas por causa de uma cirurgia no joelho, chegou ao local de votação pouco antes das 8h. Ela estava subindo a rampa de acessibilidade, quando sofre uma queda.
Uma equipe do Samu foi chamado e prestou socorro à mulher. Como foi verificado que ela tinha saúde estável, a equipe médica a colocou na maca e levou até a seção dela. No local, Marta votou carregada na maca.
Ela contou que está em processo de se aposentar e que foi votar porque ficou com medo de, caso ela faltasse, isso interferir no processo de aposentadoria.


Eleição na Bahia:
A Bahia, que quase 15 milhões de habitantes, é o quarto maior colégio eleitoral do país com 10.893.320 eleitores. Fica atrás apenas dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais.
Nos 417 municípios baianos, 1.336 políticos concorrem ao cargo de prefeito e prefeita, como também de vice-prefeito (a). Além disso, 38.839 irão disputar o cargo de vereador (a). As informações são do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e levam em conta as candidaturas consideradas aptas pela Justiça. Por G1 BA.

Correntina: Candidato a Vereador é Morto Com Oito Tiros

(crédito: TRE/ reprodução )

O candidato a vereador pelo Partido Liberal (PL), José Cláudio Castro de Souza, foi perseguido e morto com oito tiros na noite de sexta-feira (13), enquanto estava na frente da casa dele, em Correntina, que fica na região oeste da Bahia. Até a manhã deste sábado (14), ninguém havia sido preso pelo crime.
Ele tinha 50 anos. De acordo com o delegado Elyvisson Rodrigo, testemunhas contaram que o candidato estava sentado na calçada, quando duas pessoas chegaram em uma moto e dispararam tiros contra ele.
José Cláudio chegou a correr para entrar na residência, mas foi perseguido pela dupla e baleado. A polícia investiga a motivação para o assassinato. A principal linha de investigação é que o crime pode ter sido mandado.


A única possibilidade descartada pelo delegado, até a publicação desta reportagem, foi a de latrocínio – que é quando uma pessoa é assaltada e morta na ação –, já que a carteira de José Cláudio foi encontrada com R$ 730 reais e nada da casa dele foi roubado.
Ainda segundo o delegado, os homens usaram armas de três calibres diferentes para matar a vítima, o que pode caracterizar execução. Um policial que mora ao lado da casa do candidato ouviu os disparos e chegou a trocar tiros com os suspeitos. A polícia não tem detalhes sobre outros feridos na ação.
O delegado informou que o candidato trabalhava com venda e revenda de veículos. O Partido Liberal ainda não se pronunciou sobre a morte de José Cláudio. Por G1 BA