quarta-feira, 11 de novembro de 2020

Advogado Explica Proibições De Atos Presenciais De Candidatos Na Bahia a Partir Desta Quarta

De acordo com o presidente do TRE-BA, desembargador Jatahy Júnior, os números apontam que as medidas iniciais, como o disk-aglomeração e a exigência do uso de máscara e limitações de pessoas, não tiveram o efeito esperado.

O advogado especialista em direito eleitoral André Requião, em entrevista ontem (11) à Rádio Metrópole, explicou como vai funcionar as proibições determinadas pelo Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) para os candidatos eletivos.
"Fica proibido qualquer ato presencial. Comícios, carreatas, passeatas, bandeiraços, caminhadas, cavalgadas. No entanto, não fala em proibir candidatos de fazer uma visita, sem que ele não vá com uma equipe grande. Aglomeração em hipótese alguma", explicou Requião.
O ato já foi publicado no Diário Oficial e passa a valer a partir de hoje (11) em todo o estado. De acordo com o presidente do TRE-BA, desembargador Jatahy Júnior, os números apontam que as medidas iniciais, como o disk-aglomeração e a exigência do uso de máscara e limitações de pessoas, não tiveram o efeito esperado. *Metro1.


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário