sexta-feira, 6 de março de 2020

Eunápolis: Jovem Cantor Não Sobrevive Após Ser Alvejado a Tiros Durante Show


Um cantor de 26 anos foi morto a tiros na noite de sexta-feira (28), em Eunápolis, no sul da Bahia. De acordo com a Polícia Civil da região, a vítima, identificada como Adriano Souza Aguiar, tinha 26 anos anos e se apresentava em um bar quando foi atingido por cerca de 10 tiros.
Adriano Souza, além de cantor, era músico e durante o dia trabalhava como motorista de ônibus. Conforme informações da Polícia Civil da cidade, ele foi surpreendido por dois homens que chegaram ao bar onde ele se apresentava, na Rua dos Navegantes, no Bairro da Alegria.
As investigações apontam que os homens, após atirar na vítima, fugiram a pé. Policiais Militares que passam em uma viatura, próximo ao local do crime, ouviram os tiros e perseguiram os atiradores, mas os homens conseguiram fugir. A motivação e autoria do crime ainda são investigados.
Adriano, segundo a polícia, tinha passagem pela polícia por porte ilegal de arma de fogo e no momento do crime portava na cintura. Ele também tinha três cartuchos intactos e numeração suprimida.
No carro da vítima, que estava estacionado próximo ao bar, foi encontrada uma bolsa preta, com sete munições de calibre .38, intactas, dois cartuchos calibre .20 e uma touca balaclava, além de um par de revestimento de cabo de revólver, e R$ 2,7 mil em espécie.
Na porta lateral traseira, lado do motorista, havia uma perfuração por arma de fogo, mas a polícia não detalhou se o caso ocorreu no mesmo dia do crime ou se havia sido de ocasião anterior. O veículo foi periciado no local e liberado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário