WEB RADIO RMSOM | AUTO DJ 24 HRS

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Ex-Empresário De Cristiano Araújo é Morto a Tiros No Rio De Janeiro


O ex-empresário do sertanejo Cristiano Araújo, D’Stefany Vaquero Lima, de 32 anos, morreu, na madrugada desta quarta-feira, em Mangaratiba, na Região Metropolitana do Rio. Conhecido como Didi Latino, ele foi encontrado baleado por policiais militares do 33º BPM (Angra dos Reis) na Rodovia Rio-Santos e levado para Hospital municipal Victor de Souza Breves. O crime é investigado pela 165ª DP (Mangaratiba).


Os PMs passavam pela Rio-Santos quando viram Didi Latino andando às margens da via, pouco depois da meia-noite, com as roupas cobertas de sangue. Eles pararam para socorrê-lo. O empresário, porém, ainda de acordo com os agentes, falava coisas sem nexo e não soube explicar o que havia acontecido. Ele teria levado quatro tiros.
Além de Cristiano Araújo — morto num acidente de carro em junho de 2015 —, Didi Latino também trabalhou com a supla sertaneja Humberto e Ronaldo. Na página oficial dos cantores, foi postada uma mensagem de luto:
“8 anos atrás começava uma amizade, uma história, dois sonhadores, que nunca desistiram. A vida nos levou a caminhos diferentes, mas nunca distantes.
Difícil saber o que falar essa hora. Que Deus te receba de braços abertos irmão. Descanse em paz!”
Didi Latino era natural de Goiânia e, atualmente, morava em Fortaleza. Muitas pessoas deixaram mensagens de luto em redes sociais.

Supremo Espanhol Confirma Pena De 21 Meses De Prisão Ao Jogador Messi


O Tribunal Supremo da Espanha confirmou nesta quarta-feira a pena de 21 meses de prisão ao jogador Lionel Messi por três crimes de fraude fiscal.
A defesa do atacante do Barcelona havia entrado com recurso para reverter a decisão, mas a principal instância da Justiça no país indeferiu o pedido.
Messi é acusado de sonegar um total de 4,1 milhões de euros da Fazenda espanhola nos anos de 2007, 2008 e 2008 - ele não declarou 10,1 milhões de euros recebidos por seu direito de imagem durante esse período.
Em sua defesa, o jogador alegou que tinha confiado suas obrigações fiscais a seu pai, Jorge. "Eu me dedicava a jogar futebol. Confiava em meu pai e nos advogados que tínhamos decidido que acertariam as coisas. Em nenhum momento me passou pela cabeça que iam ma enganar", dissera o atacante em 2016.
Jorge Horácio Messi teve sua pena reduzida pelo Supremo de 21 para 15 meses de prisão, pois seu filho devolveu à Fazenda o dinheiro sonegado.
A Audiência Nacional em Barcelona susteve em sua sentença que Lionel Messi atuou com "ignorância deliberada" por evitar se informar sobre o que estava a seu alcance. O tribunal recriminou o atacante por atuar com essa "indiferença" quando existia uma "suspeita justificada" de que o método para gerir seus direitos de imagem não era lícito // MSN/Br.

Monstruosidade: Após Voltar Bêbado Da Micareta De Feira, Elemento Briga e Mata a Própria Mãe


Um jovem de 20 anos foi preso suspeito de matar a mãe, uma idosa de 66 anos, na cidade de Feira de Santana, a cerca de 100 km de Salvador. De acordo com informações do delegado Gustavo Coutinho, titular da Delegacia de Homicídios (DH) do município, o crime ocorreu na madrugada do domingo (21), após o suspeito retornar bêbado da Micareta de Feira. Segundo o delegado, o suspeito nega o crime. No entanto, testemunhas relataram para a polícia que ouviram uma discussão entre o jovem e a mãe, no momento em que ele chegou em casa, por volta das 3h. De acordo com Gustavo Coutinho, investigações preliminares apontam que o jovem teria empurrado a vítima durante a briga. A idosa caiu no chão e bateu a cabeça.
Conforme o delegado, o corpo da idosa foi encontrado por vizinhos dentro da casa onde ela morava com o filho. A polícia foi acionada e o jovem, que estava no imóvel, foi preso em flagrante. Ele foi levado para a DH, onde prestou depoimento. Em seguida, ele foi encaminhado para o Conjunto Penal de Feira de Santana, onde está à disposição da Justiça. De acordo com o delegado, a vítima tinha sinais de agressão. O corpo da idosa foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) da cidade, onde será periciado. // G1 Bahia.