sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Padeiro Morre Depois de Colidir Moto Em Fundo de Carro Na BA 130


Foi o segundo acidente com morte na mesma rodovia em menos de uma semana.

O padeiro José Cláudio Silva Alves, 23 anos, conhecido por Dué, morreu na tarde de quinta-feira, 29, depois de colidir a moto que pilotava na traseira de um carro, na BA 130, trecho que liga Capim Grosso a São José do Jacuípe.
De acordo com o Blog Agmar Rios, a vítima residia em Capim Grosso e estava retornando depois de mais um dia de trabalho em São José do Jacuípe, distante 12 km.  Ainda segundo informações de Agmar Rios, Cláudio chegou a ser socorrido e encaminhado para a Unidade Pronto Atendimento – UPA de Capim Grosso, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.
Foi o segundo acidente com morte na mesma rodovia em menos de uma semana

Redação CN / Foto: Agmar Rios.

Investigação Aponta Que PM Morto em Alagoinhas Não Era Alvo de Assassinos

Polícia Civil pediu à Justiça a prisão de dois traficantes de drogas por morte de PM.

De acordo com a polícia, as prisões foram solicitadas à Justiça.
Dois traficantes de drogas foram identificados como responsáveis pela morte do policial militar Anderson Reis Pinheiro, na cidade de Alagoinhas, segundo informações da Polícia Civil.
De acordo com a polícia, as prisões foram solicitadas à Justiça. Investigação inicial aponta que o alvo dos criminosos era dois adolescentes, que supostamente têm envolvimento com o tráfico, e não o soldado, que passava de bicicleta à paisana, na Praça Santa Isabel, no bairro Sobocó, quando foi atingido.
O crime aconteceu na noite de quarta-feira (29), na Rua Primeiro de Janeiro. Nenhum objeto pessoal do soldado foi roubado e a polícia não acredita em execução. Os dois adolescentes foram baleados na perna, foram socorridos e não correm risco de morte. Tanto eles quanto os autores do crime estavam em motocicletas. Nenhum foi localizado até o momento.
A vítima era lotada na Companhia Independente de Policiamento Especializado/Litoral Norte (CIPE/LN) e será sepultada às 16h desta quinta-feira (29), no Cemitério do Calú, localizado em Alagoinhas. Anderson Reis estava de folga e tentou entrar num bar, depois de ser baleado, mas não resistiu à gravidade dos ferimentos.

As informações são do site G1/BA.