sábado, 1 de novembro de 2014

Euclides da Cunha: Colisão Na BR 116/Norte Deixa Um Morto e Três Feridos


Uma Grave colisão frontal envolvendo um automóvel Monza (antigo), placa BGL 5527 licença de Guarulhos-SP, e uma Van Mercedes Benz, placa MMT 2064 licença de Carnaíba-PE, deixou um morto e três feridos na BR 116/Norte (Santos Dumont), perímetro urbano de Euclides da Cunha, na localidade conhecida como baixinha do cambão, trecho marcado por vários acidentes, atropelamentos, colisões, entre outros.
O fato aconteceu por volta das 20h30 desta sexta-feira (31), quando, segundo informações colhidas no local pelos repórteres do site euclidesdacunha.com José Dílson Pinheiro e Jaciel Correia, a Van com oito pessoas, que havia saído da cidade de Flores-PE, por volta das 13h, e se dirigia para São Paulo, colidiu frontalmente com um automóvel GM Monza (velho), conduzido por um homem que se identificou verbalmente no Hospital Municipal ACM como Lidoberto da Silva Santos, residente na cidade de Ribeira do Pombal-BA.
Na colisão, um homem de prenome Orlando, que viajava no banco do carona do Monza morreu preso entre as ferragens, minutos depois que os moradores da localidade, ao ouvirem o barulho produzido pelo choque dos veículos, acorreram para o local, sem que houvesse tempo para socorrê-lo. A vítima fatal, que não teve o nome revelado, foi identificada como um policial militar residente em Ribeira do Pombal-BA, que se encontrava afastado do serviço por alcoolismo.
“Ainda tentei evitar a colisão tirando o meu veículo para o centro da pista, para ver se o Monza passava pelo lado esquerdo do acostamento, porém, foi impossível e o acidente foi inevitável” contou, ainda em estado de choque, o condutor da van.
Três passageiros da van foram socorridos para o Hospital Municipal ACM, um deles com um inchaço no tornozelo, mas que, a princípio, não apresentava sinais de lesão e seria submetido a exame de Raio-X, o mesmo procedimento seria submetido as outras pessoas. Lidoberto, condutor do Monza, segundo Mael, apresentava sangramento pelo ouvido e também foi socorrido em uma ambulância do Hospital Municipal ACM.
Uma equipe do Departamento de Polícia Técnica do Complexo Policial Civil de Euclides da Cunha, comandada pelo perito criminalístico Wesley procedeu ao levantamento cadavérico, que, para ter o corpo removido das ferragens fôra necessário o uso de uma alavanca, pois se encontrava preso entre o banco e o painel do lado direito, principalmente à perna esquerda.
Dentro do veículo, os peritos encontraram um litro de aguardente, que provavelmente deverá comprovar o uso de bebida alcoólica pela dupla, que segundo informações, haviam passado todo o dia bebendo em Ribeira do Pombal e no início da noite resolveram ir para a cidade de Monte Santo, onde acontece a tradicional festa religiosa de Todos os Santos, com muitos shows artísticos.
Dentro do Monza, além de uma mochila, provavelmente com roupas, vários produtos como chicletes, halls, embalagens plásticas foram encontrados, o que nos leva a crer tratar-se Lidoberto, de um desses vendedores de doces, confeitos, etc., costumeiramente encontrados em festas populares.
Logo após o levantamento cadavérico e concluído o trabalho dos peritos, os veículos foram retirados do local e removidos para o pátio da 1ª DT da 25ª Coorpin e liberação total do tráfego de veículos.

Informações/Foto: Euclidesdacunha.com