quarta-feira, 9 de julho de 2014

Engenheiro Paulista Postou No Facebook Resultado Visto Em Sonho Oito Horas Antes do Jogo Brasil e Alemanha

Ao acordar postou o placar e o sonho virou realidade

“Sonhei que a Alemanha ganhava de 7 X 1…”, postou no Facebook o engenheiro Flavio Spina, de São Paulo, por volta das 8h da manhã de terça-feira (8). Onze horas depois, quando o improvável placar do jogo da seleção brasileira pela semifinal da Copa se concretizou, o comentário de Flavio fez sucesso na rede social.

Dezenas de amigos compartilharam o post e fizeram piadas com ele, chamando-o de profeta e perguntando se ele saberia o resultado da Mega-Sena.
Ao G1, Flavio contou que ainda não acredita no que aconteceu. Ele diz que a única parte que lembra do sonho era da imagem da televisão de sua casa marcando 7 a 1 para a Alemanha. “Acordei pensando: Nossa, que maluco. Vou postar, o pessoal vai dar risada”, relata.
Ele viu o jogo na casa de um amigo e afirma que no final do primeiro tempo achou que ficaria 5 a 0. Durante o segundo tempo, amigos comentaram seu post à medida que iam saindo os demais gols, incrédulos de ele ter acertado. No fim da partida, ele conta que recebeu telefonemas de vários conhecidos. Seu amigo tinha uma fantasia de mago que havia usado em uma festa e até o vestiu com ela, para tirar foto.


“Até agora não estou acreditando. Como bebi um pouco, até perguntei para um amigo: ‘Me fala: isso está acontecendo mesmo? É verdade?’”, relata.
Flavio não jogou o resultado em nenhum bolão. “Infelizmente. Porque eu iria ganhar sozinho”, diz.
Ele afirma, porém, que não queria ter acertado a goleada: “Lógico que não. Queria que o Brasil fosse para a final”.

Fonte: G1.

Brasil Se Despede da Copa Com Derrota Vergonhosa


Triste. Vergonhosa. Apática. Palavras como essa ‘caem como luvas’ para descrever a atuação da seleção brasileira na tarde desta terça-feira (08), que foi humilhada pela Alemanha, mesmo jogando com a torcida a seu favor. 

Os europeus fizeram 5 a 0, contando com gols de Muller, Khedira, Toni Kroos e Klose. Este último é agora o maior artilheiro dos mundiais. Oscar descontou para o Brasil.
O duelo foi decidido no primeiro tempo. Logo aos 10 minutos, o time de Felipão deu mostras da vergonha que faria toda a nação passar. Muller, que nada tem com isso, completou cruzamento e abriu caminho para a goleada histórica. Nos 18 minutos seguintes, com facilidade, os alemães fizeram mais 4, acabando com qualquer chance de reação.
No segundo tempo, Felipão voltou com duas alterações e o time melhorou, mas se lançando ao ataque contra a forte defesa alemã, acabou levando mais um. Schürrle, que entrou no decorrer da partida, completou bela jogada que foi feita pela direita no sexto e bateu de perna esquerda após receber na área, no sétimo, fechando o caixão brasileiro. Nos minutos finais, Oscar fez o gol de honra.

O jogo:
Modificada, a seleção brasileira começou tentando pressionar os alemães, mas a diferença de níveis ficou evidente a partir dos 10 minutos. Após cobrança de escanteio da direita, Muller não teve trabalho para completar, sem marcação, e abrir o marcador.
O segundo gol veio para consagrar um alemão. Até então empatado com Ronaldo, Klose teve espaço para tentar duas vezes, e mesmo com Júlio César fazendo milagre na primeira tentativa, o atacante teve liberdade para marcar o segundo, no jogo e o 16ª dele em mundiais, se tornando artilheiro isolado das Copas.
Dois minutos depois, Toni Kroos fez o time canarinho dar adeus ao sonho do hexa. O volante aproveitou cruzamento da direita, que passou por toda a extensão da área brasileira, e bateu forte, de perna esquerda, sem chances para Júlio César. Alemanha 3 x 0 aos 24 minutos de jogo.
O mesmo Kroos fez o quarto gol. Ferrnandinho perdeu bola infantil na intermediária, e o ataque adversário não perdoou, tocando a bola calmamente até a conclusão, já dentro da área: 4 a 0.
Para completar o vexame no primeiro tempo, o Brasil viu a Alemanha tocar a bola mais uma vez dentro da área de Júlio César até Khedira receber em condições para fazer o quinto.

Segundo tempo: 
No intervalo, Felipão tirou Hulk e Fernandinho, colocando Paulinho e Ramires na equipe, mas as mudanças pouco surtiram efeito. Mesmo pressionando o adversário nos primeiros minutos, o time ficou exposto aos contra-ataques.
Em um desses contragolpes, a Alemanha se aproveitou de Schürrle, que havia entrado há poucos minutos, e fez o sexto, freando a reação brasileira após boa jogada do ataque europeu, pela direita.
O mesmo Schürrle fez o último gol dos agora finalistas da Copa, aproveitando passe dentro da área, e soltando o pé de perna esquerda. Alemanha 7 a 0.
Já nos acréscimos, Oscar fez o gol de honra do Brasil, o que não acabou com os gritos de ‘vergonha’, vindos da arquibancada do Mineirão.

Do Portal Galáticos Online.

Outro Jornalista Argentino Morre Vítima de Acidente No Brasil

Taxi que a vítima viajava foi atingido por um carro roubado.

O jornal argentino “Diario Olé” divulgou nota em seu site nesta quarta-feira (9) sobre a morte do jornalista Jorge Luiz López em Guarulhos (SP), no início da madrugada. O repórter estava em um táxi e foi atingido por um veículo roubado que era dirigido por criminosos e perseguido pela polícia, segundo informações da PM.

“Choramos todos”, diz o título da nota divulgada pelo jornal. A nota disse ainda que o jornalismo está de luto (veja a íntegra abaixo).
Jorge Luiz López, de 38 anos, morreu depois que seu táxi, que o transportava para um hotel, foi atingido pela carro com os criminosos. López estava no banco de trás e não usava cinto de segurança. Segudo a PM, os criminosos passaram um sinal vermelho na fuga e colidiram com o táxi. O acidente aconteceu por volta de 1h20.
Os ladrões estavam fugindo da polícia, perderam o controle do veículo e atingiram o carro que transportava o jornalista na Avenida Tiradentes, perto da Avenida Quarto Centenário, em Guarulhos.
Três suspeitos de envolvimento no roubo de no acidente foram detidos, entre eles um menor de idade. Duas armas foram apreendidas.
López cobria a seleção argentina e estaria presente no jogo desta quarta na Arena Corinthians, entre Holanda e Argentina.

Veja a nota do Diario Olé:
Jorge López, jornalista do Diário Olé, faleceu logo após um acidente automobilístico na noite de São Paulo. O Topo (como era conhecido) viajava em um táxi que foi atingido por outro automóvel conduzido por um grupo de ladrões que fugia da polícia. O jornalistmo inteiro está de luto.
Este foi o segundo caso em pouco mais de uma semana, outra jornalista morre quando saía de São Paulo para Minas Gerais.

Do Portal CN.